Espanha

Pontos turísticos da Espanha

Conheça os principais pontos turísticos da Espanha e saiba tudo sobre como visitá-los, além de dicas para economizar nos ingressos e durante a viagem. A Espanha é um lugar com muitas misturas culturais. O sul da Espanha, por exemplo, teve durante muito tempo os árabes conquistando as cidades, o que até hoje é notável na arquitetura. Já o norte tem um visual diferente, e as pessoas também o são. Mas o que não se discute é que em todo o pais há pontos turísticos belíssimos e que merecem sua visita. Veja os maiores pontos turísticos da Espanha:

Mapa de regiões da Espanha

E depois não deixe de ver a matéria de como economizar muito em sua viagem à Espanha. É a matéria mais acessada do blog e vai te ajudar muito com todo o planejamento da viagem. São várias dicas imperdíveis que vão fazer você economizar MUITO (muito mesmo) e montar toda a sua viagem à Espanha.

1) Museu do Prado em Madri

Começamos o nosso roteiro de dicas por Madri, capital da Espanha, e o Museu do Prado, um dos mais importantes desse destino. O museu foi mandado construir pelo Rei Carlos III, mas somente foi inaugurado quando Fernando VII estava no poder. Nas coleções se destacam a de pintura francesa, pintura espanhola, pintura alemã, pintura italiana e a grande coleção da escola de flamenco. Por lá é possível admirar obras de grades nomes, como Picasso, Monet, Goya e El Bosco, por exemplo. Este museu funciona de segunda a sábado das 10h às 20h e aos domingos das 10h às 17h. O ingresso para o Museu do Prado custa 7,50  para adultos.

Museu do Prado em Madri

2) Palácio Real em Madri

O Palácio Real em Madri, ou também chamado Palácio do Oriente, é a residência oficial do rei da Espanha. Foi construído onde era o antigo Real Alcázar de Madri, que foi destruído por um incêndio em 1734. Apesar de ser a residência oficial, o palácio é utilizado apenas para comemorações especiais ou recepções oficiais. Já é possível notar a beleza do local assim que avistá-lo, mas o seu interior também é muito rico, com obras de grandes nomes das artes, como Caravaggio, Velázquez e Francisco de Goya. As visitas acontecem por lá diariamente, mas no verão (de abril a setembro) das 10h às 20h e no inverno (de outubro a março) das 10h às 18h. A entrada para adultos custa cerca de 13.

Palácio Real em Madri

3) Parque Del Retiro em Madri

Conhecido como o “pulmão de Madri”, o Parque Del Retiro é um dos pontos turísticos mais famosos de toda Espanha. O local é belíssimo, cercado por muito verde, fontes, lagos, monumentos e diversos canteiros com flores. Uma das nossas dicas é para que conheça o local logo pela manhã ou no final da tarde, aproveitando para curtir o pôr do sol, principalmente nos meses de verão. O Parque Del Retiro funciona diariamente, de maio a outubro das 6h às 0h e novembro a abril das 6h às 22h.

Parque Del Retiro em Madri

4) Sagrada Família em Barcelona

Representando a região da Cataluña, apresentamos a cidade de Barcelona e o ponto turístico mais famoso da cidade, o Templo Expiatório da Sagrada Família de Barcelona, uma igreja com uma grandeza incomparável. Esta atração ainda não está acabada, devido à morte do arquiteto, mas também pela enorme quantidade de detalhes e pelo tamanho que foi projetada. Para você ter uma ideia, a previsão da Sagrada Família ser finalizada é de 2026. É possível conhecer os altos das torres dessa construção, mas é necessário comprar o ingresso com antecedência, por cerca de 62. As visitas acontecem com dia e horário agendado.

Vista da Sagrada Família

5) Casa Batlló em Barcelona

Depois da Sagrada Família, as edificações mais famosas arquitetadas por Gaudí são a La Pedrera ou Casa Milà e Casa Batlló, que ficam no Passeig de Gràcia, bem no centro de Barcelona e que podem ser visitadas juntas. A Casa Batlló é um solicitado por Josep Batlló i Casanovas, nome que era muito reconhecido no setor têxtil. A ideia inicial era demolir o edifício, mas Gaudí convenceu o dono de fazer uma reforma. É possível realizar um passeio pelo interior da Casa Batlló, que custa cerca de 25€ e deve ser comprado com antecedência.

Casa Batllò em Barcelona

6) Mercado de la Boqueria de Barcelona

Quando for passear pelas Ramblas não deixe de dar um pulo no Mercat de la Boqueria, o mercado público de Barcelona, e sentir seus diferentes aromas e gostos. É um mercado incrível e cheio de comida típica de lá, por um ótimo preço. Tem várias barracas de frutas, comidas típicas e logo na entrada tem várias barracas com sucos naturais deliciosos e super baratos. Aproveite para pegar um e repor as energias, pois são ótimos. Tem restaurantes bem legais lá dentro se quiser almoçar ou comer algo por lá.

Mercat de la Boqueria

7) Catedral de Santiago de Compostela

Uma das principais representantes da região de Galicia, no norte da Espanha é Santiago, sendo uma das suas maiores atrações a Catedral da cidade de Santiago de Compostela, uma igreja católica. Ela foi construída na época das cruzadas, entre 1075 e 1128. É famosa, pois acolhe o túmulo do apóstolo Santiago Maior, padroeiro e protetor da Espanha, e por isso é um lugar de grande peregrinação cristã na Europa, sendo esta o final do famoso Caminho de Santiago. Por ser um dos destinos mais procurados pelos turistas, a nossa dica é para que você adquira o seu ingresso ingresso online e com antecedência, porque vale muito a pena. Para você ter uma ideia, um ingresso de entrada já com a presença do guia especializado em um passeio de 2h custa cerca de 15€.

Catedral de Santiago de Compostela

8) Região de Manzaneda em Galícia

Ainda na região da Galícia, você encontrará Manzaneda, um município de Ourense, localizado a aproximadamente 200 km de Vigo, na Espanha. Além de toda a atmosfera de inverno, devido a Estación Invernal de Cabeza de Manzaneda, a gastronomia local também merece destaque. Para você ter uma ideia, um jantar local acompanha tortilla, chouriço, queijo, pão e até vinho. Por outro lado, a atração principal é a Estación Invernal de Cabeza de Manzaneda e as suas pistas de esqui. Caso esteja planejando a sua viagem para o inverno europeu, conheça melhor as cidades com neve na Espanha. Saiba que fazer o passeio em Ourense é bem comum entre os turistas, principalmente aqueles que estão completando o roteiro por Galícia e indo visitar Santiago de Compostela.

Estação de Manzaneda em Ourense

9) Palácio de Alcázar em Toledo

Representando a região de Castilla de La Mancha está Toledo, uma linda cidade espanhola. A nossa dica de maiores pontos turísticos de Toledo é o Palácio de Alcázar. O monumento conta com torres enormes, que podem ser vistas a metros de distância. Esse palácio foi construído no século III  pelos romanos. O Palácio de Alcázar está situado na parte mais alta de Toledo, a qual é composta por outros dois grandes pontos turísticos, o Paseo del Carmen e o Rio Tejo. O parque Paseo del Carmen conta com dois mirantes que oferecem vistas únicas da cidade de Toledo. Por ser um dos pontos turísticos mais procurados desse destino, a nossa dica é para que garanta o seu ingresso online e com antecedência, que custa cerca de 15€ com entrada e visita guiada.

Palácio de Alcázar em Toledo

10) Aqueduto de Segóvia

Ainda na região de Castilla de La Mancha está Segóvia e um dos pontos turísticos mais incríveis da Espanha, o Aqueduto de Segóvia. Esse monumento conta com 18km de extensão e 164 arcos, o qual foi construído no final do século I pelos romanos. O principal objetivo da construção era o transporte de água entre a Serra de Guadarrama e o Alcázar de Segóvia. O aqueduto está localizado na Plaza del Azoguejo, como um dos marcos principais e, praticamente, a porta de entrada do centro histórico de Segóvia.

Aqueduto de Segóvia

11) Cidade de Valência: parte histórica

Você pode conhecer o centro histórico da cidade, conhecido como Barrio del Carmen, onde está a Catedral de Valência, de estilo gótico, barroco e neoclássico. Ela é popularmente conhecida como ”Seu” por ser a sede do arcebispado da cidade. Mas fique atento pois a Catedral só abre durante as manhãs (entre as 7h e as 15h). No centro, fica também o edifício da prefeitura da cidade e em frente a ele, o Palacio de Comunicaciones, que é mais conhecido como o Edificio de Correos. Nele se destaca no alto o tímpano (espaço no frontão do edifício) onde constam cinco esculturas que representam os cinco continentes. Para conhecer mais pontos turísticos, conheça a nossa matéria sobre o que fazer em Valência.

12) Mercado Central De Valência

Se você é do tipo de turista que ama conhecer mais da gastronomia dos lugares que visita, a nossa dica é para que não perca a oportunidade de visitar o Mercado Central de Valência. O local é recheado de queijos, vinhos e azeites, que são impossíveis de encontrar aqui no Brasil. Como se não bastasse, o Mercado Central De Valência ainda possui muitos restaurantes bem gostosos, que servem salgados e lanches rápidos. Esta atração funciona de segunda a sábado das 7h às 15h, e está localizada na Plaça de la Ciutat de Bruges.

Mercado Central De Valência

13) Cidade de Valência: parte moderna

Sem dúvidas, a Cidade das Artes e das Ciências em Valência é um dos pontos turísticos e arquitetônicos mais modernos e especiais da Espanha. Este complexo abriga: salas de cinema, Planetário, Museu de Ciências, Galerias de Arte, trilhas, Aquário oceanográfico, sala de ópera e apresentações artísticas e uma praça para eventos esportivos e concertos. A Cidade das Artes e das Ciências está localizada na Av. del Professor López Piñero, 7, e funciona diariamente, das 8h às 24h. Por ter tantas atrações, saiba que os ingressos por lá começam em 8€, mas podem chegar até 31,30€, como é o caso do Aquário oceanográfico. Por outro lado, há passes em que é possível conhecer o local por até três dias liberados por 38,60€. Dentre as belezas da cidade, outra dica é para que conheça também as praias em Valência.

Cidade das Artes e das Ciências em Valência

14) Praias de Ibiza nas Ilhas Baleares

O ideal para fazer em Ibiza é conhecer as praias e as famosas baladas, que dão tanta fama à cidade. Em relação às praias de Ibiza, elas se diferem pela orientação no mapa. As praias do leste, por exemplo, são mais locais, menos turísticas e menos festeiras. Alguns exemplos das praias do leste são: Cala São Vicent, Platja Agua Blanca e Platja Es Figueral. As praias do oeste de Ibiza são as mais famosas turisticamente, como Cala Bassa, Platges de Comte, Cala Tarida, Cala D’Hort E Cala Salada. Vai depender muito do estilo de viagem que você gosta, mas não deixe de colocar pelo menos três praias na sua lista de o que fazer em Ibiza, pois elas são realmente incríveis.

Ibiza nas Ilhas Baleares

15) Baladas e festas em Ibiza

Para animar a noite, além de vários barzinhos com ‘‘terraza’’, a parte de fora do bar com lugares para se sentar, é claro que não poderiam ficar de fora da lista de o que fazer em Ibiza as famosas baladas e festas de Ibiza: Pacha, Amnesia, Ushuaia, Privilege, DC-10 e Space. É a partir de Maio que acontecem os grandes festivais de música eletrônica e no pico do verão é quando eles mais fervem, com a presença de grandes Djs internacionais como David Guetta e Tiesto. Para quem gosta de uma boa balada, se prepare pois vai ser difícil escolher uma.

Baladas e festas em Ibiza

16) Ilha de Maiorca nas Ilhas Baleares

A ilha de Maiorca é a maior das Ilhas Baleares e é nela que fica a capital, Palma de Maiorca. A ilha é a mais povoada de todas e se destaca por sua extensão, sendo a maior de todo o país. Maiorca talvez seja a ilha que mais compita com Ibiza, já que as duas são muito turísticas, reservam praias paradisíacas e baladas incríveis. Por outro lado, Maiorca ainda consegue ser mais civilizada e tranquila que a grande Ibiza. O centro histórico de Palma é muito bonito e há diversos pontos turísticos espalhados pela ilha que merecem destaque.

Maiorca

17) Ilha de Menorca nas Ilhas Baleares

A ilha de Menorca, apesar do nome sugerir que é a menor, é a segunda maior ilha do arquipélago, e a cidade de maior destaque é Mahón, de onde se originou a maionese (mahonesa). Menorca é a ilha preferida dos aposentados, já que é um lugar paradisíaco e muito tranquilo. No entanto, todo mundo deveria visitar a ilha, pois apesar de ser bem diferente do agito de Ibiza e Maiorca, Menorca guarda momentos muito especiais, praias mais do que paradisíacas, com águas cristalinas e de diversos tons de verde e azul e pontos turísticos lindos.

Menorca

18) Ilha de Formentera nas Ilhas Baleares

A ilha de Formentera é um pequeno paraíso, sendo conhecida por sua capacidade de ter sabido juntar o turismo e a preservação do meio ambiente. A chegada a Formentera só é possível de barco e saindo de Ibiza, o que acaba dificultando um pouco a chegada de turistas, mas ao mesmo tempo facilitando a entrada por uma das ilhas mais visitadas do mundo. O sucesso da ilha é a natureza. As praias são paradisíacas e muitas são consideradas as melhores do arquipélago. Ao redor da ilha há uma pradaria de posidonia, uma depuradora natural que mantém a água limpa e cristalina.

Ilha de Formentera

19) Mesquita – Catedral de Córdoba

Começando pela região de Andalucía está a cidade de Córdoba. Chamada de Catedral de la Asunción de Nuestra Señora, a Mesquita e Catedral de Córdoba é um dos monumentos mais importantes da arquitetura islâmica no sul da Espanha e quiçá no país inteiro. Ela foi considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO. O interior da Mesquita é muito bonito, com várias colunas decoradas com cores e formas islâmicas.  O local abre para visitação de segunda a sábado das 10h às 18h. Já aos domingos e feriados, funciona das 9h às 10h30 e das 14h às 18h. A entrada da mesquita custa cerca de 27€ e vale muito a pena, pois já conta com a presença de um guia especializado.

Mesquita - Catedral de Córdoba

20) Alhambra em Granada

A Alhambra é um desses exemplos do domínio árabe ao sul da Espanha. Trata-se de um grande palácio e fortaleza onde ficava a Dinastia Nasrida e a Corte do Reino de Granada. O interior desse grande palácio é o que mais impressiona e chama a atenção dos turistas que o visitam anualmente, com forte presença da decoração islâmica. Esse monumento é o principal atrativo da cidade de Granada, que fica na região da Andaluzia. Para conhecer a Alhambra inteira é necessário mais de 3 horas, porque o lugar é realmente grande e todos os lugares valem a pena a visita. Nossa dica é para que garanta o seu ingresso com antecedência e realize um tour guiado, onde tudo custa cerca de 35€.

Alhambra em Granada

21) Costa del Sol em Málaga

A Costa del Sol é uma região bastante turística ao sul da Espanha, na província de Málaga. Tornou-se um destino muito popular e internacional em 1950 e até hoje é possível ver que a maioria dos moradores da Costa do Sol são ingleses, alemães, franceses e no geral pessoas já aposentadas. No verão, a Costa do Sol é um grande atrativo para gente jovem, graças às suas praias, bares e ambiente. Málaga é uma cidade incrível e com um clima fantástico, com temperaturas amenas até durante o inverno.

Costa del Sol Málaga

22) Centro Histórico de Málaga

O centro histórico da cidade é um lugar que todo turista deve visitar, para conhecer a cara mais tradicional e autêntica de Málaga. A Calle Larios é a rua principal, mas por onde não passam carros. Aliás, para ir até ao centro de carro, a nossa dica é estacionar em algum estacionamento privado, pois achar lugar por lá será bem complicado. A Calle Larios é a principal rua do centro, onde ficam as principais lojas. É uma rua bem ampla, contando também com muitos bares e restaurantes. De lá você pode começar a caminhada e se aventurar pelas ruas e praças adjacentes. Todas muito limpas e arborizadas. Pertinho da Rua Larios fica a Catedral de Málaga. Para conhecer mais sobre esse destino espanhol, leia a nossa matéria de o que fazer em Málaga.

Centro Histórico de Málaga - Catedral

23) Museus de Málaga

A cidade de Málaga conta com uma grande variedade de museus, entre eles alguns bem importantes como o Museu Picasso. O museu foi criado em 2003 e é dedicado ao artista e na sua cidade natal. Conta com 285 obras que englobam todas as técnicas, artes e estilos pelas quais o artista passou. Outro museu recente e bem importante é o Centre Pompidou, uma sede do Centro Nacional de Arte e Cultura Georges Pompidou de Paris que foi criada no ”Cubo”, em uma área moderna de Málaga. O centro foi aberto em 2015 e é a segunda sede externa ao centro original. Dentre as obras expostas no museu se encontram artistas como Frida Khalo, Max Ernst, Pablo Picasso, Francis Bacon e Joan Miró. Outro museu interessante é o Museu de Automobilismo e Moda, mais afastado do centro, mas igualmente recomendado.

Museus de Málaga - Centre Pompidou

24) Reales Alcázares em Sevilha

Os Reales Alcázares de Sevilha são um conjunto de palácios que estão rodeados por uma grande muralha. Foi construído no início da Idade Média e apresenta uma grande mistura de estilos devido às conquistas árabes e depois às reconquistas cristãs. Em 1987, também foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Nossa dica é para que garanta o seu ingresso online e com antecedência, pois essa é uma atração muito procurada pelos turistas em Sevilha. Para você ter uma ideia, o ingresso para os Reales Alcázares já com a visita guiada custa menos de 32€.

Reales Alcázares em Sevilla

25) Plaza de España em Sevilha

Não é por menos que a Plaza de España leva o nome deste país, uma vez que esse é um dos principais pontos turísticos da Espanha. A Plaza de España está localizada no parque María Luisa e se tornou um verdadeiro símbolo de Sevilha. Muitos turistas nem imaginam, mas cada corpo de azulejos que é possível encontrar por lá é dedicado a uma das cinquenta províncias espanholas. Para você ter uma ideia, esse lugar é tão lindo que já foi cenário de diversos filmes, como Star Wars II: o ataque dos clones, justamente por toda a sua beleza e influência árabe.

Plaza de España em Sevilha

26) Catedral de Sevilha

A Catedral de Sevilha, que possui o nome oficial de Santa María de la Sede de Sevilla, é uma das maiores catedrais góticas do mundo, com mais de 15 mil metro quadrados. Este monumento é considerado um Patrimônio Mundial da Humanidade desde 1987. A Catedral de Sevilha chega a receber cerca de dois milhões de visitantes anualmente, que conhecem desde a basílica até a sua torre de 104 metros de altura. Uma das maiores curiosidades desse local é que ele guarda os corpos de Cristóvão Colombo e vários reis da Catilla. Saiba que há diversos tours pela Catedral de Sevilha, mas a maioria dura cerca de 3 horas e custa aproximadamente 40€.

27) Vulcão El Teide em Tenerife

O El Teide é um vulcão que fica nas Ilhas Canárias, especificamente na ilha de Tenerife. Ele fica a 3718 m de altitude e é o pico mais alto da Espanha. É também o terceiro maior vulcão do mundo desde sua base. Além disso, essa altura faz com que a ilha de Tenerife seja a décima ilha mais alta do mundo. Apesar de não estar em erupção, ultimamente os moradores têm notado vários movimentos sísmicos de pouca intensidade na ilha.

Vulcão El Teide em Tenerife

Muito mais dicas da Espanha no Youtube!

Está gostando da matéria? Não deixe de visitar também o nosso canal no Youtube. Tem vários vídeos incríveis da Espanha, com muito mais dicas, para te ajudar a planejar toda a sua viagem. Se quiser, clique aqui para se inscrever no canal ou aqui para ver a playlist com todos os vídeos da Espanha. Esse vídeo é o mais assistido do canal:

Economize muito na viagem à Espanha

Dica para comprar ingressos das atrações e passeios

Uma dica para economizar com a compra dos passeios e ingressos de Barcelona, Madri e toda a Espanha é comprar os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos. Um site legal que nós sempre utilizamos é esse Site de Ingressos da Europa que vende ingressos para os principais pontos turísticos e passeios de Barcelona, Madri, Valência e de toda a Europa. Eles são um dos maiores vendedores de ingressos de passeios e pontos turísticos de todas as cidades do mundo, o site está em português e o bom é que você compra todos os seus ingressos da viagem em um único lugar, ao invés de ficar comprando no site de cada atração. É muito mais prático, você tem um atendimento excelente para resolver qualquer problema ou dúvida que tiver e os preços são ótimos e muitas vezes mais barato do que no próprio site da atração. Facilitou bastante nossas viagens e ajudou a economizar um bom tempo comprando, nas filas e a economizar dinheiro. Se prepare, pois as opções de passeios são enormes e dá vontade de fazer todos. Depois de comprar, você recebe por e-mail o voucher e todas as informações, tudo bem detalhado.

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre os pontos turísticos da Espanha, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Use seu celular à vontade na Espanha e na Europa

Poder usar seu celular em Barcelona, na Espanha, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Espanha nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre os pontos turísticos da Espanha quando estiver lá.

Use seu celular à vontade na Espanha e na Europa

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Espanha

Agora que você já viu tudo sobre os pontos turísticos da Espanha, uma dica legal e que faz a diferença na viagem é que alguns pontos turísticos, praias, cidades legais e vinícolas são um pouco afastados das cidades, e uma ótima opção para aproveitar melhor sua viagem pela Espanha é alugar um carro. Muitos brasileiros estão fazendo isso, pois você pode conhecer várias cidades da Espanha que são lindas fazendo um roteiro por Madri, Barcelona, Granada, Valência, Sevilha e até ir para Portugal, que está pertinho de lá e é uma das viagens mais bonitas e as estradas são lindas. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro na Espanha com dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível, comparadores de preços excelentes, documentos necessários e tudo o que você precisa saber sobre o assunto para economizar e fazer o melhor negócio.

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Espanha

Veja outras matérias imperdíveis da Espanha:

O que fazer em Barcelona: Principais atrações e lugares de Barcelona na Espanha.
O que fazer em Madri: Principais atrações e lugares de Madri na Espanha.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *